Wanderlei Silva responde desafio de Vitor Belfort: “Está correndo de mim”

Wanderlei Silva é um dos maiores nomes da história do MMA brasileiro – Erik Engelhart

Após mais de duas décadas, uma das maiores rivalidades do MMA brasileiro pode ganhar um novo capítulo: Vitor Belfort vs Wanderlei Silva. A possibilidade dos dois se reencontrarem veio à tona novamente com o anúncio de que o carioca está de volta à ativa. No entanto, de acordo com ‘Cachorro Louco’, seu desafeto, que assinou com o ONE Championship – liga asiática –, não quer levar a rivalidade entre os dois novamente para os octógonos.

Para a aguardada revanche sair do papel, um acordo excepcional teria que ser firmado, como sugeriu Belfort. Afinal de contas, o ‘Fenômeno’ e Wanderlei são atletas com vínculos em diferentes organizações. Portanto, cabe ao Bellator e ao ONE julgarem se um confronto entre os brasileiros seria benéfico ou não para as ambas as partes, já que os lutadores já demonstraram interesse em se enfrentar.

Uma revanche entre os dois nunca saiu do papel, apesar do combate ter sido considerado um marco para o MMA brasileiro. E a possibilidade de Vitor e Wanderlei se reencontrarem “É esse mesmo papinho frouxo dele. Esse ‘mimimi’ dele não está com nada. O cara está correndo de mim já faz tempo, tanto que ele foi assinar com outro evento. O pessoal do Bellator está me pagando mais do que eu ganhava no UFC. Então, por dinheiro não é. Esse cara está correndo de mim, por isso que ele foi lá para o ONE FC. Mas não tem problema não: já, já, a gente se tromba. E aí nós vamos ver quem vai olhar a boca de quem. Vou meter a porrada nesse folgado”, alfinetou Wanderlei, antes de falar sobre a possibilidade do duelo contra Vitor acontecer.

“Essa luta é perfeitamente possível. Se for para eu realizar mais uma luta, seria essa que eu gostaria de fazer. Essa luta ficou engasgada e todo mundo quer ver. É um clássico que pode ser feito em qualquer lugar do mundo. Eu sou contratado do Bellator, mas havendo interesse, a gente pode fazer essa luta numa promoção dos dois eventos, em uma coisa que seja grandiosa, para que a gente fortaleça o nosso esporte”, completou, durante entrevista exclusiva à equipe de reportagem da Ag Fight.

Recentemente, Wanderlei causou polêmica ao declarar que possuía oito de dez sintomas que diagnosticam uma concussão cerebral. O anúncio feito pelo brasileiro repercutiu a ponto do presidente do Bellator afirmar que o ‘Cachorro Louco’ só voltaria a performar com liberação médica. Mas toda essa novela não passou de um mal-entendido, de acordo com o veterano de 42 anos.

“Esses tempos eu fiz uma declaração de que eu tinha alguns sintomas de ‘concussion’, mas na verdade isso foi um pouco mal-interpretado. O pessoal colocou a notícia como se eu tivesse um problema sério. Eu não tenho nada. Estou bem. Eu vou realizar todos os testes que forem necessários. Antes de todas as lutas, a gente faz tomografia no cérebro de todo jeito. Eu não tenho nada, estou superbem. Foi um pouco mal interpretada essa colocação pela mídia”, opinou o curitibano, antes de falar sobre o protocolo que protege os atletas de MMA desse tipo de problema.

“Todos os eventos que eu lutei até hoje eles sempre fizeram todos os testes, a gente teve todo o amparo: antes da luta, depois da luta. Você não luta se você não fizer vários testes. Se eu não estivesse 100%, eu jamais teria conseguido lutar em Nova York e na Califórnia, que são os lugares em que as Comissões mais pede testes para você. Cada luta eu fiz umas três tomografias e ressonâncias do cérebro. Estou me sentindo super bem, não corro risco nenhum. Já estou treinando faz um bom tempo. Gostaria muito de poder voltar e fazer essa revanche com o Vitor, que seria uma luta dos sonhos”, finalizou Silva, em bate-papo com a Ag Fight.

Belfort decidiu interromper sua carreira após ter sido nocauteado por Lyoto Machida em maio de 2018. Entretanto, já no final do mesmo ano, o brasileiro dava indícios de que voltaria atrás com a decisão de pendurar as luvas. Em contrapartida, Wanderlei se manteve em ação, apesar de ter caído de produção com os anos e ter acumulado reveses recentes contra nomes como: Chael Sonnen e ‘Rampage’ Jackson.

1 comentárioDeixar comentário

Deixar uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *