USADA anuncia suspensão de um ano para lutador do UFC flagrado no doping

O meio-pesado (93 kg) do UFC Michal Oleksiejczuk soube nesta terça-feira (12) que mais uma entidade confirmou alterações em seus exames. Após ser suspenso pela Comissão Atlética de Nevada, a  USADA (agência antidoping americana) também anunciou sua punição. Ambas aplicaram suspensão de um ano enquanto os processos tramitam paralelamente.

O polonês testou positivo para a substância proibida Clomifeno – um agente antiestrogênio – durante o período de competição do UFC 219, no qual enfrentou e venceu Khalil Rountree por decisão unânime, no último dia 30 de dezembro, em Las Vegas (EUA). Com a punição, o resultado da luta foi alterado para ‘No Contest’ (sem vencedor).

A sanção ao polonês será feita de maneira retroativa, contando a partir da data de realização dos exames. Deste modo, ele estaria apto a retornar ao octógono a partir do dia 29 de dezembro deste ano.

Oleksiejczuk, de 23 anos, foi flagrado no exame antidoping justamente na sua luta de estreia no UFC e possui no MMA um total de 12 vitórias, duas derrotas e, agora, uma luta não contabilizada.

Deixar uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.