Treinador projeta luta de Cejudo nos penas em busca de terceiro cinturão do UFC

Cejudo já ganhou dois cinturões e pode ir em busca do terceiro – Dan Wainer/Ag Fight

Ao conquistar o título dos pesos-galos (61 kg) do UFC no último fim de semana, Henry Cejudo entrou para o seleto rol de lutadores que já detiveram cinturões de mais de uma categoria de maneira simultânea na organização. ‘The Messenger’, entretanto, quer ir além: de acordo com Eric Albarracin, treinador do também campeão dos moscas (57 kg), existe a possibilidade de o atleta competir nos penas (66 kg) em busca de mais um título.

Em entrevista à rádio ‘Sirius XM’, Albarracin apontou o evento que o UFC costuma promover no final do ano como a ocasião ideal para Cejudo ir em busca do terceiro cinturão simultâneo – feito que seria inédito na organização. E, de acordo com o treinador, isso seria possível devido à boa predisposição genética do atual campeão dos moscas e dos galos, que manteve a potência dos golpes mesmo ao subir de categoria.

“Eu gosto da data de Ano Novo. Por que não? Esse cara ganha músculos mais rapidamente do que qualquer atleta que eu já vi. Se você vir as fotos dele essa semana, ele está com quase 68 kg e está forte e definido”, ressaltou o técnico de Cejudo.

Aos 32 anos, Henry se tornou campeão dos galos após nocautear Marlon Moraes no último sábado (8). Antes disso, ele havia tomado o título dos moscas de Demetrious Johnson, em agosto de 2018. Hoje, o atual campeão dos penas é Max Holloway, que tem 17 cm a mais de altura e 12 cm a mais de envergadura em relação a Cejudo. Ao longo da carreira profissional no MMA, ‘The Messenger’ soma, até então, 15 triunfos e apenas duas derrotas.