Santiago Ponzinibbio justifica desafio a ex-campeão do UFC: “Ele tomou uma surra”

Ponzinibbio sonha em conquistar sua oitava vitória seguida contra Woodley – Diego Ribas

Santiago Ponzinibbio aparentemente desistiu de protagonizar um clássico entre Brasil vs Argentina dentro dos octógonos. Após convocar Rafael Dos Anjos para um combate por diversas vezes sem sucesso, o meio-médio (77 kg) definiu um novo alvo em sua empreitada rumo ao título: Tyron Woodley. E, durante entrevista exclusiva à Ag Fight, ‘Gente Boa’, como é conhecido, explicou o que o motivou a desafiar o ex-campeão do Ultimate.

De acordo com o argentino, a performance dominante de Usman contra Woodley deixa uma eventual revanche imediata sem sentido. Por isso, ‘The Chosen One’ teria que realizar mais um combate para se credenciar a um ‘title shot’ novamente. E é exatamente dessa brecha que Santiago quer se aproveitar para encurtar seu caminho rumo ao cinturão.

“Como o Dos Anjos não quer lutar, acho que a melhor luta agora é com o Tyron Woodley. Porque ele perdeu por muito. Se ele tivesse feito uma luta parelha, talvez lutasse pelo título de novo, em uma revanche. Mas ele praticamente perdeu todos os rounds por 10-8, ele tomou uma surra, não fez nada na luta. Então acredito que ele tenha que fazer mais uma luta, ganhar, para aí então lutar pelo título. Sendo que ele já ganhou do Darren Till, do Thompson, do Robbie Lawler, é amigo e treina com o Ben Askren… Eu sou o próximo concorrente. O Colby agora vai lutar com o Usman. O cara que vem com a maior sequência de vitórias entre os ranqueados sou eu, então acho que é uma luta que faz sentido, ele lutar comigo. Tyron Woodley é a luta a se fazer”, analisou Ponzinibbio.

Embora desafiar Woodley possa ser interpretado como uma medida ousada, Santiago surpreende ainda mais ao afirmar que já se sente pronto para superar inclusive o atual campeão Kamaru Usman. Se levarmos em consideração o retrospecto do argentino, a confiança é justificável, já que o atleta da ‘American Top Team’ vem de sete vitórias consecutivas – que o alçaram a um novo patamar entre os meio-médios.

“Estou no melhor momento da minha carreira, me sentindo muito bem, treinando muito bem. Eu sei que estou preparado para ser campeão, só preciso da oportunidade. Tem esse método de ranking que eles inventaram, então preciso de alguém bem ranqueado para me credenciar para lutar com o Usman. Eu sei que estou pronto para vencê-lo. Acredito que para disputar o cinturão da categoria eu teria que fazer pelo menos uma luta, uma boa luta para poder lutar pelo título”, opinou Gente Boa, em conversa com a Ag Fight.

Ponzinibbio é o atual número 7 do ranking do UFC. Portanto, uma vitória contra Woodley – caso o combate de fato aconteça – pode alçar o lutador diretamente para uma disputa de título. Ao longo de sua trajetória como profissional, o atleta de MMA mais popular da Argentina soma 27 triunfos e apenas três derrotas.

Deixar uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *