Pupilo de Mayweather é investigado por confusão com policiais, diz site

Não há dúvidas que Gervonta Davis é um fenômeno dentro dos ringues, mas fora deles, por sua vez, o boxeador não consegue se livrar dos holofotes de maneira negativa. O pupilo de Floyd Mayweather está sendo investigado por se envolver em uma confusão com policiais em Virginia (EUA). A informação é do site ‘TMZ Sports’.

De acordo com o depoimento de testemunhas, Davis estava em um shopping quando se desentendeu com um homem em um caixa eletrônico. Com a confusão instaurada, a polícia foi chamada – mas o pugilista não se conteve. Ainda segundo pessoas que presenciaram a cena, a jovem promessa americana do boxe teria se portado de forma hostil com os oficiais e chegado a empurrar um deles, enquanto xingava o outro.

Conforme as informações do site americano, o Departamento de Polícia declarou que houve um “incidente” envolvendo o boxeador que está sob investigação. Mas apesar da confusão, causada no dia 17 de fevereiro, Gervonta não foi formalmente preso.

E esta já não é a primeira vez que o pupilo de Mayweather se envolve em confusão. Em setembro de 2018, o boxeador foi detido após se envolver em uma briga de rua em Washington (EUA). Um mês depois, Davis foi acusado de agredir uma mulher em uma casa de strip-tease no estado americano do Texas.

Com apenas 24 anos, Gervonta é o atual campeão mundial superpena da Associação Mundial de Boxe (WBA) e da Federação Internacional de Boxe (IBF). A categoria aloca os atletas entre 57 kg e 59 kg. O jovem pugilista se mantém invicto em 21 combates profissionais já realizados – com direito a 20 triunfos por nocaute.