Presidente do UFC descarta McGregor como próximo oponente de ‘Cowboy’

Dana White é o presidente do Ultimate Fighting Championship – Diego Ribas

Conor McGregor estará liberado para retornar ao octógono do UFC a partir de abril, e um duelo contra Donald Cerrone era cogitado pelos fãs e pela imprensa especializada. Isso porque, após a última luta de ‘Cowboy’, ‘The Notorious’ escreveu nas redes sociais que toparia enfrentar o veterano. No entanto, Dana White, presidente do Ultimate, projetou outro adversário para o americano.

Em coletiva de imprensa nessa sexta-feira (1º), em Las Vegas (EUA), o mandatário descartou a possibilidade de o duelo entre os pesos-leves (70 kg) ocorrer neste momento. Segundo Dana White, a organização estaria em busca de um outro oponente para Cerrone. E, de acordo com o site americano da ‘ESPN’, o presidente do Ultimate cogita Al Iaquinta como próximo o adversário de ‘Cowboy’.

“Esses dois (McGregor e ‘Cowboy’) têm conversado sobre isso e eu disse que, se quisessem lutar, eu faria isso acontecer. No entanto, não estamos nem perto de uma luta. Na verdade, no momento estamos procurando outros adversários para ‘Cowboy’ Cerrone”, afirmou o presidente do UFC, durante conversa com jornalistas.

Aos 30 anos, McGregor recebeu uma suspensão de seis meses após participar da confusão generalizada durante o UFC 229, em outubro de 2018. Na ocasião, o irlandês foi finalizado por Khabib Nurmagomedov no quarto round. Após o feito, o russo pulou o octógono e atacou a equipe do rival, o que desencadeou um enorme tumulto na T-Mobile Arena, em Vegas.

Ao longo da carreira profissional como alteta de MMA, Conor somou, até então, 21 triunfos e quatro derrotas. Já Cerrone, aos 35 anos, nocauteou Alexander Hernandez em janeiro deste ano, após elogiada atuação no octógono. Com a vitória, ele alcançou o expressivo número de 35 resultados positivos no cartel, que também conta com 11 negativos e uma luta sem resultado.

Deixar uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *