Poirier pede disputa de cinturão após nocaute sobre Gaethje no UFC Phoenix

Dustin Poirier nocauteou Justin Gaethje no UFC Phoenix – Reprodução/YouTube

Foi uma árdua batalha, mas Dustin Poirier obteve mais uma vitória no UFC Phoenix. Realizado no último sábado (14) em St. Charles (EUA), o evento foi protagonizado por um duelo de pesos-leves (70 kg) entre o ‘Diamond’ e Justin Gaethje e terminou com o ‘Highlight’ nocauteado no quarto assalto. Após o desfecho, o atleta vencedor afirmou só ter um objetivo em sua mente: o cinturão do Ultimate.

Durante a coletiva de imprensa após o evento, Poirier rechaçou uma possível revanche com Conor McGregor ou com Eddie Alvarez. Para o peso-leve, a única meta é se aposentar e poder afirmar que já foi um dos detentores de um título do maior evento de MMA do mundo.

“Quero lutar pelo ouro, cara. Não quero revanches com Conor, nem com Eddie e nem com ninguém. Esse não é o meu objetivo. Meu objetivo não é ficar quites com esses caras. Meu objetivo é prosperar, ser campeão mundial, fazer dinheiro e me aposentar podendo dizer que eu consegui. Quero me deitar com o cinturão na minha cintura e dizer a minha esposa que eu consegui”, explicou Poirier.

Aos 29 anos de idade, Poirier vem de três vitórias e uma luta sem resultado em seus últimos combates. Além de Justin Gaethje, o americano venceu o ex-campeão, Anthony Pettis, Jim Miller e teve seu confronto contra Eddie Alvarez anulado devido a joelhadas ilegais desferidas pelo adversário. Dustin não é derrotado desde setembro de 2016, quando foi nocauteado por Michael Johnson.

 

 

Deixar uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.