Pedro Munhoz nocauteia ex-campeão do UFC e pede por cinturão dos galos

Cody Garbrandt acabou nocauteado pela terceira vez na careira – Rigel Salazar

Embalado por duas vitórias seguidas no UFC, Pedro Munhoz entrou no octógono neste sábado (2) com a missão de encarar o ex-campeão do evento Cody Garbrandt e provar que está, de fato, apto para medir forças com os atletas do topo da divisão. E a missão foi realizada com sucesso.

Ainda no primeiro assalto, Pedro cumpriu com o prometido e jogou com o nervosismo do rival. A cada vez que era acertado, o americano partia para o ataque e buscava uma chance de equilibrar a disputa, abrindo assim brechas para ser contra golpeado.

E nesses momentos.Pedro aceitou o desafio e travou uma verdadeira guerra de dois minutos, quando ambos os competidores alternaram bons golpes e balançaram um ao outro.No entanto, a precisão e a variedade de ataques do brasileiro fizeram a diferença, principalmente quando ele atacava de encontro ao cruzado de direita de Garbrandt. Um belo nocaute ainda no primeiro round!

Assim que a disputa acabou, o  brasileiro não demorou a pular no octógono e fazer o gesto tradicional dos que pedem uma chance pelo título ao apontar para a cintura. Será que agora vai?

Estreia polêmica

Ex-campeão do ONE Championship, Ben Askren fez sua primeira aparição no octógono do UFC em duelo recheado de expectativa de polêmica. Depois de levar a pior por três minutos, quando foi quedado por Robbie Lawler e duramente punido no chão, Askren conseguiu encaixar um mata-leão no adversário.

A partir daí, o árbitro Herb Dean interpretou que que o veterano do UFC estava desmaiado e decretou o final do combate, o que deu início em seguidas vaias da torcida.

Acompanhe os resultados do UFC 235: 

Ben Askren finalizou  Robbie Lawler no 1º round
Weili Zhang venceu Tecia Torres por decisão unânime;
Pedro Munhoz nocauteou  Cody Garbrandt no 1º round
Zabit Magomedsharipov venceu Jeremy Stephens por decisão unânime;
Johnny Walker nocauteou Misha Cirkunov no 1º round;
Cody Stamann venceu Alejandro Pérez por decisão unânime;
Diego Sanchez nocauteou Mickey Gall no 2º round;
Edmen Shahbazyan nocauteou Charles Byrd no 1º round;
Macy Chiasson nocauteou Gina Mazany no 1º round;
Hannah Cifers venceu Polyana Viana por decisão dividida.

Deixar uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *