McGregor ‘reconta’ luta contra Aldo e cobra mudança em resultado: “Foram 12 segundos”

Rei do ‘trash talk’ nos tempos de UFC, o recém-aposentado Conor McGregor continua aprontando no Twitter. Desta vez, ‘The Notorious’ usou a rede social para reviver seu nocaute mais marcante, contra José Aldo, em 2015 – e, de quebra, fez propaganda de sua marca de uísque.

A vitória contra Aldo rendeu a McGregor justamente o seu primeiro título interino no UFC, pelos pesos-penas (66 kg). O resultado sempre foi computado como tendo acontecido em 13 segundos, o que rendeu inúmeras provocações de Conor ao brasileiro ao longo destes mais de três anos. Mas, estimulado por um seguidor, o irlandês resolveu avaliar a luta – fazendo uma releitura bastante conveniente.

“Foram 12 (segundos)! Vejam com atenção esse gif, todos vocês, e olhem o relógio. O árbitro Big John interrompe na marca de 4min48s (restantes) do primeiro round. Foram 12 segundos! Exijo que isso seja corrigido, antes que qualquer conversa se inicie. E, sim, está certo, eu acabei com aquele garoto em um GIF (formato curto de imagem animada). Agora, me passe meu uísque”, escreveu.

“A luta em si aconteceu no dia 12 de dezembro. O dia 12 do mês 12, com um nocaute em 12 segundos. E eu também previ o golpe exato. Agora, quem vai em uma rodada de shots? Eu pago!”, completou, usando o número icônico para divulgar a sua marca de uísque, Proper nº 12.

Na mesma série de tweets, McGregor ainda negou uma especulação que surgiu na semana passada: a de que compraria a participação minoritária do ator Mark Wahlberg no UFC. Em recente declaração a fãs, anterior à declaração de aposentadoria, Conor havia pleiteado passar a ser sócio da companhia em troca de não ser mais a luta principal de algum evento.

Deixar uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *