McGregor e Holloway discutem, e campeão pede revanche para julho

Conor McGregor atualmente cumpre suspensão pela confusão no UFC 229 – Diego Ribas

Que Conor McGregor é o rei do ‘trash talk’ todo mundo sabe. Mas, como o irlandês não tem grandes conquistas esportivas para ostentar no momento, ‘The Notorious’ é confrontado até na habilidade com as palavras. O ex-campeão dos pesos-penas (66 kg) e leves (70 kg) esteve no ‘TD Garden’, em Boston, para dar o toque inicial do jogo da franquia de hóquei Boston Bruins, e aproveitou para provocar o atual detentor do cinturão dos penas, Max Holloway, vencido por ele naquele mesmo local, em 2013. Mas a resposta de ‘Blessed’ foi, no mínimo, à altura.

McGregor usou o Twitter para lembrar não só a vitória, mas também um antigo tweet provocativo a Max. Na ocasião, ele exibiu uma imagem de Holloway com semblante assustado durante a luta e, em seguida, reproduziu uma foto do americano na qual aparece no fundo, quase imperceptível.

“McGregor Garden! Agora… Onde estão as p***** desses óculos escuros?”, ironizou (veja abaixo ou clique aqui), em referência aos acessórios que usava na segunda foto. O duelo entre Conor e Max foi apenas o segundo do irlandês e o sexto do americano no UFC.

De lá para cá, Holloway venceu 13 lutas seguidas, conquistou o título peso-pena e o direito de disputar o cinturão interino peso-leve em 13 de abril, no UFC 236. Por isso, ‘Blessed’ devolveu, cheio de confiança, a alfinetada.

“Aí está você, meu irmão. Feliz de você ter revivido seus melhores dias hoje em Boston. Mas, nós estamos falando do passado ao lembrar disso. Eu tinha 21 anos. Você, 25. Este sou eu aos 25”, postou, ao exibir uma foto com o cinturão do Ultimate. “E este é você aos 21”, acrescentou, linkando um gif sobre o fato de Joseph Duffy ter finalizado Conor em 38 segundos de um combate realizado em 2010, pelo Cage Warriors.

“E Dennis (Bermudez) também me venceu naquele verão. Então, vencer o Max de 21 anos é um troféu para você. Parabéns, compartilhe-o com Dennis”, escreveu. “Sabe com quem eu compartilho estes troféus? Com ninguém. E saiba: eu também teria vencido o Max de 21 anos, mas eu o finalizaria em dois rounds e não o deixaria romper meu ligamento cruzado anterior”, completou.

McGregor, então, ironizou. “Eu estourei meu LCA e dominei você naquela noite, garoto”, disse, antes de desejar um feliz Dia de St-Patrick, tradicional data comemorativa irlandesa, a Max. O campeão dos penas, porém, encerrou a discussão. “Este é o campeão-campeão que o mundo quer. (…) Feliz que você tenha reconquistado a confiança em Boston. Você pode reencontrar seu LCA novamente em julho, em Vegas”, escreveu Holloway, propondo um confronto contra Conor.

Confira a discussão completa: