Marlon Moraes prevê title shot contra vencedor de Cody vs TJ: “Eu sou o próximo”

Marlon Moraes é o atual número 4 do ranking peso-galo (61 kg) – Reprodução/YouTube/Ag. Fight

A próxima luta pelo cinturão dos galos (61 kg) do UFC ainda nem aconteceu, mas já tem gente de olho na disputa seguinte. É Marlon Moraes, número 4 do ranking, que vem de três vitórias consecutivas, duas delas por nocaute. De acordo com ‘Magic’, seja quem for o vencedor do duelo entre o campeão TJ Dillashaw e o desafiante Cody Garbrandt no UFC 227, em 4 de agosto, vai querer enfrentá-lo em seguida.

Moraes concedeu entrevista exclusiva à reportagem da Ag. Fight em Las Vegas (EUA), na última terça-feira (10), durante o quarto programa da segunda temporada do ‘Contender Series’, programa que casa lutas entre revelações e premia com contratos no UFC os atletas que mais impressionarem Dana White, presidente da organização. O brasileiro declarou ter ficado “impressionado” com a atuação de Bevon Lewis, peso-médio (84 kg) da academia Jackson-Wink MMA, que nocauteou seu adversário e conquistou uma vaga no Ultimate. “Muay thai muito afiado, defendeu bem as quedas, bom clinch. Impressionante”, disse.

Além de suas impressões sobre o programa, que classificou como o seu preferido, por ser “muito justo” e dar oportunidades a atletas que nem sempre estão com um cartel impactante, Marlon falou sobre seu momento em relação a uma disputa de título. O brasileiro afirmou à Ag. Fight que, independente do resultado do segundo combate entre Garbrandt e Dillashaw, os dois devem ser seus adversários no futuro.

“O UFC quer colocar as melhores lutas possíveis para acontecer, e eu acho que uma luta minha com o TJ ou com o Cody a galera gostaria muito de ver. São duas lutas que eu quero muito, que tenho certeza de que vou fazer na minha carreira. Não sei se vai ser agora, se vai ser pelo cinturão, mas um dia vão acontecer. Acho que seja quem for o campeão, Cody ou TJ, com certeza vai querer me enfrentar, porque eles sabem que vai ser uma luta que vai vender”, previu.

O fato de que está na quarta posição do ranking da organização e que tem em seu cartel uma derrota – bastante controversa – para Raphael Assunção, número 3 dos galos, parece não preocupar Marlon. Segundo ele, o pernambucano – que prometeu só lutar pelo cinturão depois de sua vitória contra Rob Font – terá sua chance, desde que espere.

“Cara, eu nem penso no Raphael. Penso em mim, no que eu conquistei, nas lutas que eu peguei. Respeito muito o Raphael, é um cara que merece muito tudo o que está conquistando, é um cara duro. Tive uma luta muito dura com ele, os juízes acharam que ele venceu, mas tenho muito respeito por ele. Mas ele não precisa se preocupar, não. Eu sou o próximo, vou ganhar o cinturão e vou dar a ele a oportunidade de ser o primeiro desafiante, e ele vai me dar a oportunidade da minha revanche”, brincou.

Moraes também deu um palpite sobre o próximo duelo pelo título dos galos. De acordo com ‘Magic’, apesar de Cody ser muito perigoso, TJ deve manter o cinturão. O brasileiro afirmou acreditar que o jogo de Dillashaw, inclusive, é mais favorável ao seu.

“É uma luta muito difícil, que qualquer um dos dois pode sair vencedor, mas se eu tivesse que apostar em alguém, eu apostaria no TJ. (…) Os dois são atletas duríssimos, lutas duríssimas. Mas eu vejo meu jogo casando bem com o do Dillashaw. Ele é um atleta com um nível técnico muito alto, mas tem algumas brechas e às vezes fica muito confiante. E eu tenho poder de nocaute, uma variação de golpe que pode vir com as pernas, com as mãos, e acho que isso pode confundi-lo. Então, acho que eu teria uma chance muito boa em uma eventual luta com ele”, analisou.

Marlon derrotou seus dois últimos adversários em menos de dois minutos, somando-se os dois combates. Contra Aljamain Sterling, o brasileiro conseguiu um nocaute em 1min07s. Diante de Jimmie Rivera, 33s bastaram para que Moraes apagasse o rival com chutes e socos.

Confira a entrevista exclusiva completa:

Deixar uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.