Lutadores recebem propostas internacionais, e Future MMA 6 muda disputa de cinturão

O Future MMA 6, evento que será realizado no próximo dia 28, no Centro Universitário Ítalo Brasileiro, em São Paulo (SP), tem uma nova luta principal. Os lutadores que fariam a atração mais esperada da noite, Edson ‘Pânico’ e Gabriel ‘Marretinha’, foram convidados para assinar contrato com organizações internacionais. Assim, a liga brasileira decidiu liberá-los. Com isso, o cinturão dos meio-médios (77 kg) será disputado por outra dupla: Luiz Cado e Wendell Giácomo.

Os dois vêm de vitórias na terceira e na quarta edição do show, que prega o pensamento na carreira dos atletas como um fator importante na liga. Deste modo, Lucas Lutkus, presidente do Future, declarou que encara as saídas de ‘Pânico’ e ‘Marretinha’ como prêmios à qualidade de sua organização.

“O LFA convocou o Gabriel Marretinha para disputar o cinturão lá nos EUA e o ONE Championship ofereceu um contrato ao Edson Pânico. Claro que a gente lamenta o fato de não poder assistir ao duelo entre eles, mas por outro lado a gente fica feliz pelo rumo de suas carreiras. Isso confirma o compromisso do Future MMA em colocar os melhores para lutarem entre si. E não é diferente com Luiz Cado x Wendell Giácomo, que fizeram por merecer a disputa de título”, falou.

Além disso, a empresa anunciou outras novidades. A principal delas é a mudança do nome — de Future FC para Future MMA. Há também alterações na identidade visual da companhia, que pretende promover outras modalidades de combate e se tornar global. Por fim, a liga lançou a série ‘Future MMA Connected’, que retrata os bastidores da semana do evento. O primeiro episódio está disponível no app da organização, que está disponível para download nas lojas dos principais sistemas operacionais.

Confira o card do Future MMA 6:

77 kg: Luiz Cado x Wendell Giácomo
66 kg: Denis Silva x Kevin Souza
93 kg: John Allan x Alexandre Silva
70 kg: Eder Gama x Rodrigo Lídio
70 kg: Ednilson ‘Cai-Cai’ x Ismael ‘Marreta’
66 kg: David Valente x Bruno ‘Beirute’
61 kg: Daniel ‘Willycat’ x Henrique Budista
48 kg: Valesca Tina x Maria Ribeiro
+120 kg: Plínio Cruz x Douglas ‘Big Monster’
61 kg: Léo Alves x Vinicius ‘Lok Dog’
70 kg: Brenner Albert x Wallison ‘Big Bull’
66 kg: Filipe Floyd x Gleyston ‘Baby Shark’