Lutador do UFC narra sensação de receber golpe que perfurou seu pulmão

Paul Felder protagonizou o ‘co-main event’ do UFC Phoenix – Reprodução/ Instagram

Paul Felder venceu seu último compromisso no Ultimate por decisão unânime. Mas quem olha o resultado não imagina o quanto o meio-médio (77 kg) sofreu para superar James Vick. Já no fim do terceiro assalto, o americano sofreu um duro golpe na região abdominal que, posteriormente, culminaria em um colapso pulmonar.

Durante participação no programa ‘The MMA Hour’, ‘The Irish Dragon’, como é conhecido, narrou a sensação vivida ao levar o golpe que perfurou seus pulmões. Paul detalhou que sabia que a joelhada o tinha machucado mais do que o normal, mas revelou que ficou surpreso com a gravidade da lesão – que necessitou até de cirurgia após o UFC Phoenix, realizado no dia 17 de fevereiro.

“Assim que ele me acertou, eu fiquei tipo, puta m****, foi uma joelhada daquelas. E eu sabia que faltavam uns 20 segundos para acabar, eu estava olhando para o relógio. Na minha cabeça, eu estava ganhando a luta. Estava tipo: ‘Cara, só não deixe esse cara te derrubar, não deixe ele te nocautear’. Isso era literalmente tudo que passava pela minha mente naquele momento. Eu sabia que tinha arrebentado minhas costelas, é o que eu pensava. Eu pensei que eu tinha tido algum dano na cartilagem ou talvez tinha tido uma pequena fratura”, detalhou Felder, antes de revelar sua reação quando soube a gravidade da lesão.

“Foi ali que as coisas ficaram um pouco assustadoras. Foi quando percebi que não ia para casa na manhã seguinte. Foi a maior dor que eu já passei em muito, muito, muito tempo”, completou o americano.

O procedimento cirúrgico foi um sucesso, sem maiores problemas. No entanto, ainda não há previsão de retorno aos octógonos para o atleta. Ao menos o combate contra James Vick serviu para alçar ‘The Irish Dragon’ ao top 10 dos meio-médios do UFC. Com o triunfo, Paul agora soma 16 vitórias e quatro derrotas em sua trajetória como profissional de MMA.