Lineker enxerga caminho mais curto até cinturão do UFC após doping de Dillashaw

Nas suas últimas nove lutas, John Lineker foi derrotado em apenas uma – Diego Ribas

T.J. Dillashaw abriu mão de seu cinturão após declarar ter sido flagrado em um exame antidoping que precedeu seu combate contra Henry Cejudo. A notícia, confirmada pela USADA (agência antidoping americana), abriu margem para os atletas do peso-galo (61 kg) sonharem ainda mais em conquistar o título do Ultimate – e o brasileiro John Lineker é um deles.

Durante entrevista exclusiva à Ag Fight, o lutador admitiu que o fato do campeão ter aberto mão de seu cinturão pode facilitar sua caminhada rumo ao topo da divisão. Apesar de já ter sido superado por T.J. em 2016, ‘Mãos de Pedra’, como é conhecido, projetou se credenciar para um ‘title shot’ em breve, apesar de considerar que, atualmente, dois compatriotas estão mais próximos deste objetivo.

“Soube que ele abriu mão do cinturão, então acredito que a categoria peso-galo vai dar uma andada agora, vai desenrolar. Tudo bem que o Marlon está mais próximo para disputar o título, acredito também no Pedro Munhoz, que vem aí na fila. Me coloco em terceiro, porque acredito que eu tenha que fazer mais uma luta bem feita, que mostre que eu estou pronto novamente – porque já tive a oportunidade e acabei perdendo para o atual campeão, Dillashaw. Mas fazendo mais uma luta já quero estar aí novamente para disputar o título”, projetou Lineker, antes de opinar especificamente sobre o doping de Dillashaw.

“Essa notícia, acredito que não nos surpreende mais. Porque os atletas, mesmo com o antidoping e a USADA, eles ainda se arriscam a usar substâncias ilegais. Lógico que muitas vezes o cara pode tomar um produto contaminado sem saber, mas é raro isso acontecer. Ele (T.J.) deu uma entrevista dizendo que não sabia qual substância que caiu, não sabe o porquê, alegou que não tomou de propósito”, concluiu o atleta da ‘American Top Team’.

Para entrar definitivamente no ‘bolo’ dos possíveis desafiantes ao cinturão peso-galo, uma vitória em seu próximo compromisso é primordial. Atual número 8 do ranking, Lineker encara Cory Sandhagen no UFC Miami, dia 27 de abril. Embalado por duas vitórias consecutivas, ‘Mãos de Pedra’ almeja alcançar um novo patamar na organização.

Deixar uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *