Lewis elege ‘Cigano’ o rival mais fraco dos que ele já enfrentou no UFC

Derrick Lewis volta a fazer um main event no UFC – Diego Ribas

Derrick Lewis se credenciou a disputar o cinturão do UFC após derrotar atletas de destaque na categoria dos pesos-pesados, como Francis Ngannou e Alexander Volkov. No entanto, ele não repetiu as boas atuações anteriores ao enfrentar Daniel Cormier e sucumbiu diante do campeão. Agora agendado para lutar contra Junior ‘Cigano’, no dia 9 de março, em Kansas (EUA), ‘The Black Beast’ não parece preocupado com o seu próximo oponente, já que elegeu o brasileiro como “o cara mais fraco” em relação aos que ele lutou anteriormente.

Em entrevista ao canal do YouTube ‘Helen Yee Sports’, Lewis explicou que não considera ‘Cigano’ um oponente tão duro quanto Cormier ou Ngannou. Apesar disso, ele estará frente a frente com um ex-campeão dos pesados do Ultimate. E, como Derrick mesmo destacou, durante as lutas nesta categoria tudo pode mudar em questões de segundos.

“Ele é, provavelmente, o cara mais fraco que eu vou lutar em comparação com os caras que eu lutei anteriormente. (…) Eu não acho que ele seja o cara mais duro que eu já enfrentei, então vamos ver no dia 9 de março. (…) É a divisão dos-pesos pesados. Não importa se o cara for faixa-preta ou um boxeador profissional. Ainda temos 50% de chance. Somos pesos-pesados, então tudo pode acabar em um soco”, ressaltou.

‘Cigano’ conquistou o cinturão do UFC em 2011, após destronar Cain Velasquez com um nocaute no primeiro round. Depois disso, ele ainda defendeu com sucesso o título dos pesados contra Frank Mir, antes de sucumbir diante do americano de origem mexicana, de quem ele havia tomado o posto de campeão. Desde então, o brasileiro tem alternado vitórias e derrotas no Ultimate, o que mudou quando ele triunfou em seus últimos desafios, contra Blagoy Ivanov e Tai Tuivasa.

Aos 35 anos, ‘Cigano’ buscará no duelo contra Lewis, então, o seu terceiro triunfo consecutivo no UFC. Com números parecidos com os de seu próximo adversário, o brasileiro somou, até o momento, 20 resultados positivos e cinco negativos ao longo da carreira profissional no MMA. Já ‘The Black Beast’, um ano mais novo, acumula 21 vitórias, seis derrotas e uma luta sem resultado no cartel.