Kayla Harrison finaliza mais uma e garante vaga na final do torneio peso-leve do PFL

Larissa Pacheco será a rival de Kayla Harrison na final do PFL – Diego Ribas

Bicampeã olímpica no judô, Kayla Harrison continua sua trajetória impecável desde que migrou para o MMA. Na noite da última sexta-feira (11), a americana finalizou Bobbi Jo Dalziel – que aceitou o combate no dia anterior ao evento, substituindo Genah Fabian, adversária original da ex-judoca – com uma chave de braço ainda no primeiro round (veja abaixo ou clique aqui). Com o triunfo, a lutadora, que permanece invicta após seis lutas, conquistou uma vaga na grande final do torneio peso-leve (70 kg) da temporada 2019 do PFL.

A ex-judoca iniciou o combate com tudo, logo conseguindo uma queda. Já no solo, Harrison demonstrou boa movimentação para chegar à montada, de onde passou a desferir potentes golpes na adversária. Ao tentar se defender, Dalziel deixou o braço direito exposto e foi castigada com um armlock bem encaixado, sendo obrigada a dar os três tapinhas de desistência.

Na final do torneio peso-leve feminino do PFL, Kayla terá pela frente novamente Larissa Pacheco, a quem derrotou por decisão unânime dos juízes em maio deste ano. Para chegar à final, a brasileira derrotou a favorita Sarah Kaufman – ex-campeã peso-galo (61 kg) do Invicta FC e do Strikeforce – após os três assaltos regulamentares. Superior fisicamente, Larissa conectou os golpes mais contundentes e dominou grande parte do duelo, garantindo a vitória por pontos.

Além do título peso-leve feminino da temporada 2019 do PFL, Kayla Harrison e Larissa Pacheco disputarão o prêmio de um milhão de dólares (cerca de R$ 4 milhões), que será ofertado pela organização para a campeã da liga. Ainda no evento de sexta-feira, o brasileiro Glaico França foi derrotado por David Michaud na decisão majoritária dos jurados, em combate válido pelas semifinais do torneio meio-médio (77 kg), e anunciou sua aposentadoria do MMA.