Jon Jones rebate fama de arrogante e questiona postura de Anthony Smith

Jon Jones retorna ao octógono do UFC neste sábado, em Las Vegas – Diego Ribas

Até o momento, o clima entre as principais estrelas do card do UFC 235 parece o mais amenos possível. No entanto, em meio à calmaria da semana que antecede o evento programado para este sábado (2) em Las Vegas, Jon Jones ressaltou que seu rival Anthony Smith adotou uma postura de ‘morde e assopra’ através de declarações via imprensa.

Durante conversa com jornalistas no media day realizado nessa quarta, ‘Bones’ afirmou que o desafiante ao cinturão dos meio-pesados (93 kg) se comporta de maneira normal nos bastidores do show para evitar conflito, mas que por vezes fez declarações que não agradaram o campeão.

“Bom, ele não foi completamente respeitoso. Ele está fazendo bem o trabalho de não cutucar o urso. Ao mesmo tempo ele diz coisas como ‘a arrogância do Jones não vai permitir ele levar essa luta tão séria”, afirmou o campeão dos meio-pesados do UFC.

Questionado justamente sobre a fama de arrogante, Jones, campeão mais novo da história do UFC e possivelmente o atleta mais dominante a já ter se apresentado no octógono, deu de ombros e garantiu que em sua vida pessoal não carrega tal estigma. No entanto, quando o assunto é sua carreira, ele, na posição de um dos maiores nomes do esporte de todos os tempos, não poderia passar desapercebido.

“Se você me conhecer… Se formos ao shopping um dia, se jantarmos, eu te der uma carona… Você vai pensar: “Esse cara é legal”. Eu respeito, tomo conta das pessoas ao meu redor. Mas quando estou no meu trabalho, as pessoas não querem me ver sentado aqui e ser normal. Eles querem ver alguma pimenta. Querem ver o que faz desse cara ser quem ele é”, narrou o campeão.

Deixar uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *