Gancho médico! Jon Jones lidera lista de dez atletas suspensos por seis meses

Jon Jones é o atual campeão dos meio-pesados do UFC – Diego Ribas

Após Jon Jones manter o cinturão dos meio-pesados (93 kg) no UFC 235, a expectativa era de que ele lutasse em seguida contra Thiago ‘Marreta’. No entanto, a próxima defesa de título do americano pode demorar para acontecer. Isso porque, depois de derrotar Anthony Smith no último sábado (2), ‘Bones’ – assim como outros nove lutadores presentes no card – recebeu a suspensão médica de seis meses longe dos treinos.

De acordo com a lista de suspensões divulgada pela Comissão Atlética de Nevada (NSAC) – e publicada pelo site ‘MMA Junkie’-, além de Jones, os seguintes lutadores foram suspensos por seis meses: Anthony Smith, Gina Mazany, Hannah Cifers, Johnny Walker, Macy Chiasson, Pedro Munhoz, Tecia Torres, Tyron Woodley e Zabit Magomedsharipov.

Um dos suspensos por seis meses, o brasileiro Johnny Walker, se lesionou ao comemorar a vitória sobre Misha Cirkunov. Ele, porém, assim como outros lutadores, poderá ter o tempo de fora dos octógonos reduzido, caso os médicos o liberem após ressonância magnética do ombro esquerdo.

Com a vitória por nocaute sobre Misha Cirkunov em apenas 38 segundos, Johnny Walker chegou ao 17º triunfo em seu cartel profissional como lutador de MMA. O carioca também contabilizou três derrotas desde que estreou nas artes marciais mistas, em 2013.

Confira a lista completa de suspensões:

Alejandro Perez: 30 dias.

Anthony Smith: 180 dias, a menos que os médicos liberem após raio-x do nariz e das costelas.

Ben Askren: 30 dias.

Cody Garbrandt: 60 dias.

Charles Byrd: 60 dias.

Gina Mazany: 180 dias, a menos que os médicos liberem após raioi-x do nariz e da mão esquerda.

Hannah Cifers: 180 dias a menos que os médicos liberem após exame do antebraço esquerdo quebrado.

Johnny Walker: 180 dias, a menos que os médicos liberem após ressonância magnética do ombro esquerdo.

Jon Jones: 180 dias, a menos que os médicos liberem após raio-x do pé esquerdo.

Kamaru Usman: 30 dias.

Macy Chiasson: 180 dias, a menos que os médicos liberem após raio-x da mão esquerda.

Mickey Gall: 45 dias. Terá que ser liberado pelos médicos antes de voltar aos treinos.

Misha Cirkunov: 60 dias sem contato por 45 dias.

Pedro Munhoz: 180 dias, a menos que os médicos liberem após raio-x da mão direita e do polegar direito.

Polyana Viana: 60 dias.

Tecia Torres: 180 dias, a menos que os médicos liberem após raio-x do tornozelo direito e do pé direito

Tyron Woodley: 180 dias, a menos que os médicos liberem após ressonância magnética do polegar direito.

Weili Zhang: 30 dias.

Zabit Magomedsharipov: 180 dias, a menos que os médicos liberem após raio-x do tornozelo esquerdo e do pé esquerdo.