Discreto, ex-campeão do UFC ignora provocações de adversário falastrão

Robbie Lawler é profissional de MMA há quase duas décadas – Diego Ribas

Aos 36 anos, Robbie Lawler nunca precisou polemizar fora dos octógonos para atingir um nível de notoriedade no MMA. Ex-campeão meio-médio (77 kg) do UFC, o atleta é costumeiramente discreto em suas declarações e sempre deixou com que suas performances falassem por si sós, diferentemente do seu próximo rival. Ben Askren é o típico falastrão, mas, aparentemente, não é nada que ‘Ruthless’ já não tenha encarado — ao menos é o que afirma o americano em suas falas.

Em entrevista coletiva direto de Las Vegas (EUA), que contou com a presença da equipe da Ag Fight, Lawler comentou que as provocações de Askren não o afetam. Durante a encarada realizada nessa quarta-feira (27), o especialista em wrestling chegou a dar tapinhas no bumbum de Robbie – que se manteve calmo, apesar de visivelmente incomodado.

“Esse esporte já percorreu um grande caminho, continuo sendo a mesma pessoa que eu era antes, só que com mais pessoas de olho. Não vou mudar quem eu sou por causa de algumas câmeras apontadas para a minha direção”, analisou Lawler, antes de se referir especificamente a seu próximo adversário.

“Não lembro o que ele (Askren) disse para mim. Não, isso não me afeta. Apenas vivo a minha vida, as pessoas dizem o que querem, e você reage ou não. (…) No sábado nós lutaremos, então não importa o que dizem, sabe? Porque vou poder colocar minhas mãos nele, ele vai poder tentar fazer o mesmo. Então para que me importar com o que dizem?”, completou o ex-campeão do Ultimate.

Ben Askren construiu boa parte de sua carreira no ONE – liga asiática de MMA –, onde se sagrou campeão meio-médio. No entanto, ‘Funky’, como é conhecido, ficou famoso após ser protagonista de uma troca inédita entre atletas feita por duas organizações distintas: Demetrious Johnson, ex-campeão peso-mosca (57 kg), deixou o Ultimate e deu lugar para o wrestler falastrão.

Invicto em 19 combate profissionais, Askren já chega no UFC sendo alvo dos holofotes, até por conta de sua desavença com o presidente da liga, Dana White. No entanto, o debute do ex-campeão do ONE não será nada fácil. Afinal de contas, Lawler é um dos maiores nocauteadores do Ultimate entres os meio-médios.

Deixar uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *