Desafeto de Rockhold afirma que nocaute brutal no UFC foi “bem feito”

Anthony Smith vem de vitória sobre Alexander Gustafsson – Diego Ribas

A fase de Luke Rockhold anda ruim: depois de prever publicamente uma vitória fácil de Alexander Gustafsson e ver Anthony Smith finalizar o sueco, foi a vez de ele mesmo ser nocauteado por Jan Blachowicz, depois de meses de provocações ao adversário. Smith, primeiro alvo do ‘trash talk’ do americano na categoria dos meio-pesados (93 kg), aproveitou o momento oportuno para dizer que o ex-campeão dos médios (84 kg) mereceu ser nocauteado pelo polonês no UFC 239, evento realizado no último sábado (6).

‘Lionheart’ lembrou das declarações de Rockhold desde que decidiu subir de categoria. Além de ter previsto uma vitória fácil de Gustafsson sobre Smith, Luke falou, na semana de sua luta contra Blachowicz, que a categoria dos meio-pesados era fraca e sem técnica e habilidade. Anthony destacou a qualidade de Jan.

“Eu adoraria ter sido o cara que apagou Rockhold, mas acho que foi bem feito para ele. Todo o ‘trash talk’, todo o ‘Anthony Smith é um inútil, Gustafsson vai passar por cima dele e eu vou massacrar Jan’ e todo o desrespeito e o fato de subestimar Jan. Tenho dito a todos que me perguntam: Jan Blachowicz é o cavalo negro desta divisão. Ele é um dos caras mais perigosos, e parte disso é porque ele é muito quieto. Ele mantém a boca calada e faz as coisas dele, e continua passando pelos outros lutadores”, falou, em entrevista ao programa ‘SiriusXM Fight Nation’.

Smith reiterou que Rockhold mereceu o nocaute brutal que sofreu. Ele ressaltou que não gostou de saber que Luke sofreu uma fratura na face, mas afirmou que o resultado do combate reforçou uma sina do ex-campeão dos médios.

“É lamentável que ele tenha fraturado o maxilar. Não quero que ninguém se machuque, mas é ótimo ver, de novo, Rockhold ser atingido bem na cara. Toda vez que ele fez ‘trash talk’ contra alguém e foi arrogante demais e achou que ele era bom demais, ele acabou sendo aquele que ficou parecendo um idiota. Então, fico feliz que os deuses do MMA se certificaram de que isso continuasse acontecendo”, disse.

“Novamente, é lamentável. Não quero que ninguém se machuque, mas acho que todo o constrangimento, o dedo apontado e as risadas que estão acontecendo contra ele agora, acho que ele as merece, com certeza”, concluiu.

Recuperando-se de uma lesão, Anthony Smith tem declarado que pretende tirar um tempo para descansar. Ele lutou cinco vezes no período de 12 meses, tendo vencido quatro adversários e perdido apenas para Jon Jones. Apesar de ter só 30 anos, ‘Lionheart’ é um veterano do MMA, com 46 combates profissionais.