Dedé Pederneiras revela angústia de José Aldo durante tratamento contra infecção

André Pederneiras é o treinador e empresário de José Aldo – Fábio Oberlaender

Treinador e empresário de José Aldo, ‘Dedé’ Pederneiras acompanhou como ninguém os momentos de angústia que acompanharam o lutador nos últimos dias. Tratando de uma infecção no joelho, o ex-campeão peso-pena (66 kg) do UFC chegou a ser internado no hospital e sua participação no card do dia 11 de maio foi ameaçada, cenário este que chegou a abalar o veterano.

No entanto, Pederneiras garante que o foco sempre foi permanecer no evento e, embora um último aval da equipe médica ainda precise ser dado para que os treinamentos possam ser intensificados, Aldo já superou os momentos de indecisão que o acompanharam durante os dias no hospital.

“Quando acontece isso com atleta, ele tende a ficar para baixo. Estava em um ritmo muito forte de treino e acontece um negócio desse. Aí começa a pensar um monte de coisa: ‘Não vai dar. Como vou treinar?’. Aí fiquei falando com ele o tempo todo. Saímos do hospital e o joelho ainda estava inchado. Nesta sexta teremos conversa com médico para ele dar o ok e continuarmos o treinamento para fazer a luta”, revelou durante conversa com a reportagem da Ag. Fight no bastidores da coletiva do UFC 237 (veja abaixo ou clique aqui).

O esforço de Aldo para fazer parte deste card tem uma importante justificativa. Além da vontade de se apresentar para o público carioca, o atleta segue com o plano de se aposentar do MMA ainda na temporada 2019 e, para isso, deseja fazer suas duas últimas apresentações no Brasil. E como o UFC planeja apenas mais dois cards no país no ano, o dia 11 de maio é fundamental para o cronograma do ex-campeão.

“Ele está bem convicto que ele não vai continuar lutando MMA. Ele quer lutar boxe a expectativa é essa. Eu nem tentei (convencê-lo do contrário), ele fala isso faz tempo e merece esse momento de poder escolher o que fazer depois de uma carreira tão vitoriosa”, ponderou o treinador.

Caso seja libera pelo médico, Aldo fará o co-main event do UFC 237, na cidade do Rio de Janeiro, contra o australiano Alexander Volkanovski, rival que está invicto no esporte há seis anos e já acumula seis triunfos no maior evento de lutas do mundo.

Deixar uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *