Dana White interfere em troca de ofensas entre McGregor e Khabib: “Inaceitável”

Dana White é o presidente do UFC, a maior organização de MMA do planeta – Diego Ribas

Dana White resolveu se posicionar após a recente troca de ofensas entre Conor McGregor e Khabib Nurmagomedov nas redes sociais. De acordo com o presidente do UFC, a situação chegou a um nível inaceitável e o assunto será abordado internamente pela maior organização de MMA do planeta. Ao longo desta semana, quem acompanha os lutadores no Twitter pôde acompanhar o barraco virtual que eles protagonizaram. Provocador como sempre, McGregor chamou Khabib de “pequeno rato” e ironizou a religião e a esposa do campeão dos pesos-leves (70 kg).

Nurmagomedov, então, respondeu na mesma moeda e acusou o irlandês de ser estuprador. E, pelo ‘trash talk’ ter passado do limite aceitável, Dana White ressaltou que o UFC tomará as medidas necessárias em relação aos atletas. “Estou ciente da recente troca de mídia social entre Khabib Nurmagomedov e Conor McGregor. A situação atual subiu para um nível inaceitável. Como tal, estamos tomando as medidas necessárias para alcançar os camps de ambos os atletas e esta situação está sendo abordada por todas as partes internamente”, declarou o presidente do Ultimate, por meio do site oficial da organização. Curiosamente, na mesma noite de quarta-feira (3) em que foi publicado o comunicado, McGregor voltou atrás em relação às ofensas religiosas que fez.

A rivalidade entre os dois lutadores é antiga e já resultou em duas confusões. Na primeira delas, em abril de 2018, em Nova York (EUA), Conor invadiu os bastidores de um ‘media day’ do Ultimate e arremessou um objeto na janela do ônibus em que Khabib estava, ferindo atletas que estavam no veículo. A segunda confusão que os pesos-leves protagonizaram foi em outubro do mesmo ano, quando, após Nurmagomedov finalizar o irlandês no UFC 229, pulou a grade de proteção do octógono montado em Las Vegas (EUA) e partiu para cima da equipe do rival, o que desencadeou uma briga generalizada.

Na ocasião, Dana White foi apontado por parte dos fãs e da imprensa especializada como um dos responsáveis pelo patamar que chegou o desentendimento entre Conor e Khabib, já que não interferiu nas trocas de ofensas entre eles durante os eventos de divulgação da luta. Deste modo, parece que o presidente do UFC agora dará um puxão de orelha nos atletas, em uma tentativa de que problemas como os do passado se repitam.