Dana White condena decisão do árbitro que deu vitória a brasileiro no UFC Londres

Embora pior em pé, Hannibal levou a melhor quando a luta foi ao solo – Scott Garfitt

Logo no início do card principal do UFC Londres, evento realizado no último sábado (16), a vitória de Cláudio ‘Hannibal’ por finalização sobre Danny Roberts deu o que falar. Isso porque o atleta britânico não bateu em sinal de desistência do combate, o que irritou Dana White, presidente do show.

De acordo com Kevin Sataki, árbitro do confronto, Roberts teria sinalizado verbalmente que não estava mais apto a competir, versão que foi negada pelo atleta ainda no octógono. Por sua vez, o cartola preferiu usar as redes sociais para condenar a decisão.

“Acaba comigo quando um árbitro estraga tudo e rouba uma grande luta e oportunidade não apenas dos lutadores como também dos fãs. Danny Roberts, me desculpe”, bradou em sua conta no Instagram.

Apesar da reclamação, a vitória do brasileiro foi confirmada e só poderia ser anulada caso o rival inglês entrasse com um pedido junto à Comissão Atlética e os comissionários responsáveis entendessem que a interrupção foi equivocada.

Deixar uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *