Contou vantagem! Kamaru Usman relembra treino com Dos Anjos no início da carreira

Kamaru Usman encara Rafael dos Anjos nesta sexta-feira em Las Vegas – Diego Ribas

Quando Kamaru Usman fez sua primeira luta de MMA, Rafael dos Anjos já tinha oito combates no UFC e 21 na carreira. A diferença tão grande de experiência causou um episódio inusitado, relembrado pelo ‘Pesadelo Nigeriano’ em uma entrevista coletiva na última quarta-feira (28), em Las Vegas (EUA), da qual a Ag Fight participou. Quando ainda estava no início da carreira, os dois fizeram um treinamento juntos — um sem saber quem era o outro. E, nesta sexta (30), eles se enfrentam no ‘main event’ do TUF 28 Finale.

Usman recordou-se do dia em que foi à Califórnia e pôde treinar com lutadores que já estavam na maior liga de MMA do mundo, muito embora ainda não fosse um atleta das artes marciais mistas. E, na ocasião, um de seus parceiros foi Rafael. Apesar de admitir não lembrar muito do que aconteceu no treinamento, Kamaru não perdeu a chance de contar vantagem e dizer que o brasileiro deveria ter percebido quão bom era aquele novato.

“Na verdade, eu não me lembro muito bem. Porque eu não estava assim tão dentro do MMA. Eu treinava wrestling e tive a oportunidade de passar um fim de semana na Califórnia, e me lembro de no sábado eu estar na academia, colocando as luvas e eles meio que: ‘Vamos fazer sparring’. E os caras entraram. Para ser sincero, eu não sabia quem ele [Rafael] era. Eu não o conhecia naquele momento. Os únicos caras que eu realmente conhecia ali eram Jason Miller, Jake Ellenberger e Mark Muñoz. E, depois de treinarmos, o que eu fiz muito bem, eu fui fazendo perguntas, tipo: ‘Quem é aquele cara?’ E [me disseram]: ‘Ele está no UFC’. [E eu pensei:] ‘Então eu posso fazer isso’ [risos]”, contou.

“Não vou dizer: ‘Ah, eu me lembro de cada detalhe do treino’. Mas eu me lembro bem disso. Se ele estivesse prestando atenção, ele saberia. ‘Esse cara vai ser um grande filho da p*** quando entrar no esporte’. Se ele não lembra, é por conta dele, mas estará valendo sexta a noite”, relatou, referindo-se ao dia da luta entre os dois.

Kamaru chegará à sua segunda luta principal no UFC — a primeira foi contra Demian Maia, em maio último — com 13 vitórias e uma derrota em sua carreira. Ele não sofre um revés desde 2013. Dos Anjos, por sua vez, tenta se reencontrar com os triunfos, já que, em junho, perdeu para Colby Covington na disputa do título interino meio-médio (77 kg).

Deixar uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.