‘Cara de Sapato’ se oferece para enfrentar Paulo ‘Borrachinha’

Antônio ‘Cara de Sapato’ se dispôs a substituir Yoel contra ‘Borrachinha’- Reprodução/Instagram

A mudança de planos do UFC para o evento que será realizado no estado americano da Flórida, em 27 de abril, deixou Paulo ‘Borrachinha’ sem adversário. Mas, se depender de Antônio ‘Cara de Sapato’, a organização já pode casar um duelo entre as duas revelações.

A situação se estabeleceu porque o oponente original de Paulo, Yoel Romero, agora vai enfrentar Ronaldo ‘Jacaré’. ‘Cara de Sapato’, então, demonstrou seu interesse em enfrentar o mineiro e colocar à prova problemas que começaram ainda na casa do ‘TUF Brasil 3’, em 2014.

“Adoraria enfrentá-lo. Somos brasileiros. Temos algumas questões que precisamos resolver. Estivemos na mesma casa. Sou o campeão do ‘TUF’. Ele perdeu dentro da casa e agora está tipo: ‘Sou o cara do momento’. (…) Gostaria de fazer isso pelos fãs. Gostaria de fazer isso pelo UFC, porque parece que todo mundo no ranking ou tem uma luta ou está lesionado. Eu seria o único que ele poderia enfrentar. E, para mim, é a mesma coisa, então seria ótimo para mim”, declarou, em entrevista ao site ‘MMA Junkie’.

De acordo com Antônio, a sequência de quatro vitórias de ‘Borrachinha’ no UFC — todas por nocaute — fazem com que o lutador seja avaliado como melhor do que de fato é. Por isso, o paraibano afirmou que pretende revelar as falhas de Paulo.

“Ele está indo bem, mas acho que ele é supervalorizado. Gostaria de mostrar às pessoas o que eu estou fazendo. É por isso que eu pedi para enfrentá-lo. Ele está fazendo o trabalho dele. Ele é muito bom. Ele nocauteia as pessoas, mas gostaria de encará-lo e mostrar às pessoas que ele é supervalorizado”, disse.

“Estou lutando há muito tempo. Sei que tive alguns momentos ruins na luta contra Dan Kelly. Antes disso, tudo estava bem. Mas, depois disso, sinto que as pessoas me esqueceram. Eu fui campeão do ‘The Ultimate Fighter’. Eu finalizo as pessoas. Eu nocauteei pessoas dentro da casa. Cuidado”, acrescentou.

‘Cara de Sapato’ finalizou ressaltando a própria disposição de não fugir de confrontos difíceis. De acordo com o especialista em jiu-jitsu, não cabe a ele esperar um casamento de estilos que lhe seja favorável.

“Todo mundo quer uma luta fácil. Eu não. Eu quero um desafio. Quero ser desafiado. Se eu quiser ser campeão, eu quero o legado. Quero algo maior. Preciso lutar com os caras grandes, os caras duros, então não posso escolher luta. Seja com quem for, eu sempre estarei pronto”, encerrou.

Deixar uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *