Brock Lesnar precisa pagar multa de quase R$ 1 milhão para retornar ao MMA

O gigante Brock Lesnar é ex-campeão dos pesos-pesados do UFC – Diego Ribas

Flagrado no doping em julho de 2016 no confronto contra Mark Hunt, Brock Lesnar teve de encarar uma suspensão imposta pela USADA (agência antidoping americana) que iria até janeiro deste ano. No entanto, mesmo tendo cumprido a punição até o mês estipulado, o ex-campeão dos pesos-pesados ainda não está apto a voltar aos octógonos.

Isso porque, além da USADA, Lesnar precisa resolver suas pendências com a Comissão Atlética do Estado de Nevada (NSAC). E, de acordo com o site ‘MMA Weekly’, o astro da WWE ainda deve uma multa de 250 mil dólares (cerca de R$ 920 mil) relativa aos testes de doping que o flagraram em 2016. Enquanto a dívida não for quitada, o peso-pesado segue inelegível para ser escalado para um combate de artes marciais mistas.

“(Lesnar) ainda está suspenso com base em sua multa. Ele é obrigado a pagar a multa ou configurar um plano de pagamento com a Procuradoria Geral da Justiça (para se livrar da suspensão)”, disse o diretor executivo da NSAC, Bob Bennett, ao site ‘MMA Weekly’.

Caso realmente retorne à ativa, Lesnar provavelmente medirá forças com Daniel Cormier pelo título de campeão dos pesos-pesados do Ultimate. ‘DC’ inclusive já declarou que enxerga o astro da WWE como a primeira opção na lista de possíveis próximos adversários. Aos 41 anos, Brock somou cinco vitórias, três derrotas e um ‘no contest’ (sem resultado) em sua carreira – este último justamente no confronto contra Hunt, em que foi flagrado no doping.

Deixar uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.