‘Bate-Estaca’ estreia no ranking peso por peso do UFC; Anderson Silva deixa listagem

‘Bate-Estaca’ conquistou o título peso-palha do UFC no Rio de Janeiro – Leandro Bernardes

Com a vitória no UFC 237 – evento realizado no último sábado (11), no Rio de Janeiro -, Jéssica ‘Bate-Estaca’ conquistou o cinturão dos pesos-palhas (52 kg) e agora aparece no topo da divisão após a atualização do ranking oficial da organização. Com isso, Rose Namajunas, a antiga campeã, caiu para a primeira posição na lista de desafiantes ao título.

O mais relevante, porém, é o surgimento da brasileira entre os melhores da organização inteira, no ranking peso por peso. Jéssica aparece na 15ª colocação, atrás de Valentina Shevchenko, outra a estrear na listagem geral da liga. As duas ocupam os lugares que eram, respectivamente, de Cris ‘Cyborg’ e Rose Namajunas.

Outra mudança significativa no ranking foi a ascensão de Alexander Volkanovski do quarto para o primeiro lugar na divisão dos penas (66 kg) após derrotar José Aldo no evento do último final de semana. Na ocasião, o brasileiro não conseguiu impor o seu jogo e foi superado por decisão unânime dos juízes.

Deste modo, Alexander agora aparece atrás apenas do campeão Max Holloway, que deve defender o cinturão no dia 27 de julho, em duelo contra Frankie Edgar. Este último, aliás, caiu da terceira para a quarta posição na lista após a ascensão de Volkanovski. Já Aldo, que ocupava a primeira colocação, agora aparece em terceiro no ranking dos penas.

Vencido por Jared Cannonier no evento carioca, Anderson Silva deixou a relação dos 15 melhores pesos-médios (84 kg). Após o revés por nocaute técnico, causado por uma lesão no joelho, o ‘Spider’ deu lugar a David Branch na última posição da lista.

A derrota de Bethe Correia para Irene Aldana também provocou mudanças no ranking feminino dos pesos-galos (61 kg). Após sucumbir no UFC 237, a paraibana caiu da 13ª para a 14ª posição. A sua rival mexicana, por outro lado, pulou do 11º para o nono lugar na lista.