Algoz de Anderson Silva descarta intenção de lutar por cinturão interino do UFC

Israel Adesanya está invicto na carreira profissional no MMA – Jon Roberts/ Ag Fight

Após derrotar Anderson Silva em seu último desafio no UFC, Israel Adesanya deu mais um passo rumo à elite dos pesos-médios (84 kg). E, com o campeão Robert Whittaker temporariamente fora de ação, foi cogitado que o nigeriano enfrentasse Kelvin Gastelum pelo título interino da categoria. No entanto, ‘The Last Stylebender’ não parece satisfeito com essa possibilidade, já que estaria interessado apenas no cinturão linear.

Em entrevista ao programa ‘MMA Hour’, Adesanya recordou que outra lesão de Whittaker também o impossibilitou de enfrentar Gastelum na final da versão americana do programa The Ultimate Fighter (TUF), em novembro de 2018. Deste modo, o nigeriano aponta que a melhor opção para a categoria – e, consequentemente, para ele – seria destituir o cinturão do neozelandês para que ele e o americano disputem o título que ficaria vago. E, quando Robert se recuperasse da cirurgia que teve que fazer no abdômen, às vésperas de enfrentar Kelvin no último final de semana, teria uma chance de reconquistar o seu posto.

“Dane-se o (cinturão) interino (…). Acho que Robert (Whittaker) deveria ser destituído. Quando ele se recuperar, pode ser o desafiante número um, então eu e Kelvin (Gastelum) devemos lutar pelo cinturão real. (…) Esta não é a primeira vez que ele teve que sair devido a uma lesão ou algo assim. (…) Quando estiver bem, ele pode vir me enfrentar”, projetou o nigeriano.

No evento do último sábado (9), na Austrália, Whittaker colocaria o cinturão dos médios em jogo contra Gastelum na última luta da noite. No entanto, às vésperas do duelo, o neozelandês acusou fortes dores na região do abdômen que foram diagnosticadas posteriormente pelos médicos como uma hérnia. Com a necessidade de cirurgia, o atleta foi obrigado a abandonar o evento, que, deste modo, passou a ter o embate entre Anderson e Adesanya como atração principal do show.

Aos 29 anos, Israel Adesanya acumula, até então, 16 vitórias em sua carreira invicta como lutador profissional de MMA. O nigeriano é atleta do UFC apenas desde fevereiro de 2018, mas já soma cinco triunfos na maior organização de artes marciais mistas do planeta.