Viviane ‘Sucuri’ faz as pazes com a vitória no Invicta 35

Viviane Sucuri deu fim a uma sequência de três derrotas consecutivas – Dave Mandel/Invicta FC

O jejum de dois anos sem ter o braço erguido finalmente se encerrou para Viviane ‘Sucuri’. Na última sexta-feira (7), a brasileira superou Alesha Zappitella por decisão unânime no card de número 35 no Invicta FC e fez as pazes com a vitória. O triunfo marcou a estreia na categoria peso-átomo (48 kg) da ex-atleta do Ultimate.

Se dentro dos octógonos deu tudo certo para a brasileira, fora dele as coisas não correram como o esperado. Afinal de contas, Sucuri excedeu o limite da nova categoria de peso na quinta e foi multada em 25% de sua bolsa para o combate dessa sexta. Nada que tenha abalado a atleta da ‘Dragon Kombat’, que usou o jogo de clinch e aplicou quedas para dominar sua adversária completamente durante o confronto.

Já na luta principal da noite, o equilíbrio foi muito maior. Karina Rodriguez e DeAnna Bennett mediram forças na final do torneio dos pesos-moscas (57 kg) do Invicta FC. Melhor para a lutadora do México, que superou sua rival em uma decisão apertada e garantiu uma vaga para disputar o cinturão da liga contra a atual campeã da divisão Vanessa Porto – confronto ainda sem data definida.

“Será uma honra lutar com uma veterana dessas, essa lutadora incrível que é a Vanessa Porto. Estou muito grata por essa oportunidade, trarei uma verdadeira guerra para todos os fãs”, declarou Karina após sua vitória no card com sede em Kansas (EUA).