Pega a fila! Dana White nega que Cejudo seja melhor lutador de todos os tempos

Dana White é conhecido pelos exageros na hora de promover seus atletas. No entanto, mesmo ele fez pouco caso da declaração de Henry Cejudo de que é o melhor lutador da história dos esportes de combate. Embora o americano tenha conquistado uma medalha olímpica e dois cinturões no UFC, o dirigente considera que seu atleta ainda tem um longo caminho a percorrer.

Cejudo ganhou o ouro na luta olímpica dos Jogos de Pequim, em 2008, o título dos pesos-moscas do UFC em 2018 e, no último sábado (8), o cinturão peso-galo (61 kg), nocauteando Marlon Moraes. Ainda no octógono, ‘The Messenger’ afirmou que gostaria de ser chamado de ‘Triple C’, em referência ao fato de ter sido campeão três vezes, e pleiteou ser chamado de melhor da história. Em entrevista coletiva após o evento, White não concordou.

“Eu ouvi que ele também disse que é o melhor lutador peso por peso do mundo. Veja bem, é incrível que ele acredite nele mesmo. Mas você precisa ser realista. Você tem Jon Jones aí. Khabib nunca perdeu, está invicto. E você vê pelo que os caras passaram, vê por quanto tempo Jon Jones defendeu seu título. (…) Não seria Jon Jones o o melhor atleta de esportes de combate de todos os tempos? Provavelmente sim”, disse.

“Há muitas pessoas por aí. E Amanda Nunes? Ela ganhou de todos os grandes nomes. Khabib… Sabe quão difícil é ficar invicto? E ele está em uma divisão complicada, também. Sugar Ray Robinson… É, trata-se de algo difícil de reivindicar. Veja Shevchenko, veja o que ela está fazendo agora. É difícil se intitular o melhor agora, quanto mais o melhor de todos os tempos. Mas eu gosto deste espírito”, completou.

Apesar das grandes conquistas como lutador de MMA, Cejudo tem uma carreira relativamente curta no esporte. Ele migrou para a modalidade em 2013 e fez quatro lutas até ser contratado pelo Ultimate. Como profissional, Henry tem 15 vitórias e duas derrotas.