Marlon Moraes revela que abandonou estratégia contra Cejudo: “Estraguei tudo”

Marlon Moraes é o primeiro colocado na divisão dos galos (61 kg) – Leandro Bernardes/Ag Fight

Após sucumbir diante de Henry Cejudo no UFC 238, evento realizado no último sábado (8),Marlon Moraes revelou que não seguiu o plano de jogo estipulado pelos seus treinadores durante a preparação para o combate. De acordo com o brasileiro, ele errou ao entrar na trocação franca contra o novo campeão dos pesos-galos (61 kg) e pagou por isso com o nocaute que sofreu ao final do terceiro round.

Em entrevista coletiva após o evento do último sábado (8), em Chicago (EUA), Marlon ressaltou que deveria utilizar da sua velocidade aliada à maior envergadura para tentar superar o agora campeão simultâneo dos pesos-moscas (57 kg) e galos da organização. No entanto, após o bom desempenho no primeiro round, Moraes se empolgou e partiu para cima de Cejudo, o que, em sua opinião, foi um equívoco.

“Eu estraguei tudo. Saí do plano de jogo e foi o que aconteceu. Fiz o que eu não deveria fazer. (…) Na luta, ele me acertou, eu bati de volta, e começamos a brigar. Essa foi uma das coisas que meus treinadores mais enfatizaram na estratégia: ‘Não entre na trocação franca, você é mais rápido. Basta jogar as combinações e não sobrecarregue os socos’. (Mas) foi o que eu fiz e paguei por isso”, lamentou.

Com a derrota para Cejudo, Marlon possivelmente terá um longo caminho pela frente até ter uma nova chance de disputar o cinturão. Ao longo da carreira profissional no MMA, o atleta de Nova Friburgo – região serrana do Rio de Janeiro – soma, até o momento, 22 triunfos, seis reveses e um empate.