Decisão dividida! Raulian Paiva perde no detalhe e estreia com derrota no UFC

Raulian foi superado por decisão dividida dos jurados – Jon Roberts/ Ag Fight

Primeiro brasileiro a entrar em ação neste sábado (9) no UFC 234, Raulian Paiva fez sua estreia no maior show de MMA do mundo em meio a um drama pessoal. No final do ano passado, ele e sua namorada Tieli Alves foram atropelados após uma confusão na saída de uma casa noturna em uma cidade próxima a Macapá, mas a jovem de 25 anos não sobreviveu aos ferimentos e faleceu menos de uma semana depois. Por isso, a vitória e a homenagem preparada eram tão importantes para o atleta, que infelizmente esbarraram em uma decisão apertada dos jurados.

Contratado pelo UFC após vencer sua apresentação no ‘Contender Series Brasil’, em agosto passado, Raulian começou seu duelo contra Kai Kara-France de forma apática e cautelosa. Apesar de conectar bons chutes, o brasileiro não acertou nenhuma tentativa de queda e ainda chegou balançar em duas oportunidades diante dos poentes diretos do rival, que levou a melhor a etapa.

No segundo assalto, o brasileiro começou mais agressivo e depois de atacar em pé derrubou e chegou a trabalhar no ground and pound antes de ser levantado pelo atleta da Nova Zelândia. Melhor em pé, Raulian ainda derrubou outra vez antes de impor seu domínio territorial com chutes baixos e cruzados na cabeça. No entanto, a guarda baixa e pouca mobilidade mais uma vez o levaram a ser mais golpeado do que o necessário.

No terceiro e último round, com as papeletas empatadas, coube ao brasileiro a adotar a postura mais agressiva. Após uma tentativa de queda, Raulian acertou um golpe baixo em Kara-France que o fez ser vaiado pela plateia. Garantindo que foi sem querer, a jovem promessa do MMA nacional soltou mais o jogo e se tornou o dono do centro do octógono. Postura essa que, mesmo diante do acuado oponente, convenceu apenas um dos três jurados de que ele deveria ter sido apontado como o vencedor.

Aos 23 anos,Raulian acumula cartel profissional de 18 vitórias e apenas duas derrotas no MMA. Revelado pela versão brasileira do Contender Series, o atleta é uma das promessas nacionais para a divisão dos pesos-moscas (57 kg).

Acompanhe o resultados do UFC 234:

Kai Kara-France venceu Raulian Paiva por decisão dividida;
Kyung Ho Kang Teruto Ishihara finalizou no 1º round;
Jalin Turner nocauteou Callan Potter no 1º round;
Jonathan Martinez venceu Wuliji Buren por decisão unânime.