Dana White elege Ferguson como próximo desafiante ao cinturão peso-leve do UFC

Tony Ferguson oficialmente depende apenas de si mesmo para se tornar o próximo desafiante ao cinturão dos pesos-leves (70 kg). Isso porque depois de Khabib Nurmagomedov e Dustin Poirier apontarem ‘El Cucuy’ como o próximo na fila pelo cinturão, foi a vez de Dana White, presidente do UFC, confirmar os rumores e eleger o ex-campeão interino da categoria como o atleta mais provável para disputar o título em seguida.

O chefão do UFC só não garantiu Ferguson como o próximo desafiante porque isso, de acordo com ele, depende da preparação do atleta. Vale ressaltar que Tony recentemente superou problemas pessoais delicados que o afastaram por um período dos octógonos. E além disso, El Cucuy sofreu uma grave lesão no joelho em 2018. Portanto, apesar de claramente ser o próximo da fila, Dana preferiu não cravá-lo oficialmente em um futuro ‘title shot’.

“Olha, novamente, se o Tony Ferguson estiver pronto… Já foram oferecidas oportunidades para o Tony Ferguson antes, mas ele não as aproveitou. Mas se ele estiver pronto, sim (será o próximo desafiante)”, declarou White, em entrevista à emissora ‘ESPN’.

Uma das oportunidades a que Dana se refere foi a luta diante de Max Holloway, pelo cinturão interino dos pesos-leves, oferecida à Tony nesta temporada. No entanto, a proposta não engrenou e Dustin Poirier o substituiu na disputa e acabou superando ‘Blessed’ por decisão unânime dos juízes.

Desde então, Ferguson voltou aos octógonos para ampliar sua sequência de vitórias para 12 consecutivas, diante de Donald Cerrone, em junho. O retrospecto positivo faz com que El Cucuy já esteja de olho no confronto deste sábado (7) entre Khabib e Poirier. Pois provavelmente seu próximo adversário sairá do vencedor deste duelo.