Anderson Silva e Rose Namajunas recebem gancho médico de seis meses após UFC Rio

Anderson Silva machucou o joelho e perdeu sua luta no UFC 237 – Leandro Bernardes

Maior nome brasileiro da história do UFC, Anderson Silva não tem motivos para comemorar. Depois de uma frustrada participação no card realizado na cidade do Rio de Janeiro no último sábado (11), quando acabou derrotado por Jared Cannonier ainda no round inicial, o atleta de 44 anos recebeu um gancho médico de 180 dias.

A informação, divulgada pelo site da Comissão Atlética Brasileira de MMA nesta segunda-feira, aponta a necessidade do atleta ser liberado por um ortopedista antes de voltar a treinar e competir. Cenário parecido com o de Rose Namajunas, ex-campeã dos pesos-palhas (52 kg) que foi superada por Jéssica ‘Bate-Estaca’, que precisa de um ressonância magnética do pescoço antes de voltar a pensar em pisar no octógono.

Nesse mesmo card, Bethe Correia, que acabou superada por Irene Aldana, e Laureano Staropoli, que venceu Thiago ‘Pitbull’, completam a lista dos atletas suspensos por 180 dias. Enquanto a brasileira trata de uma lesão no cotovelo direito, o argentino se recupera de uma contusão no nariz.

Confira a lista completa dos atletas suspensos após o UFC 237:

Anderson Silva:
180 dias sem lutar, ou liberação de um ortopedista;
Bethe Correia
: 180 dias sem lutar, ou liberação de um ortopedista;
BJ Penn: 30 dias sem lutas e 21 dias sem contato físico;
Carlos Huachím: 45 dias sem lutas e 30 dias sem contato físico;
Clay Guida: 45 dias sem lutas e 30 dias sem contato físico;
Jéssica ‘Bate-Estaca’: 45 dias sem lutas e 30 dias sem contato físico;
Kurt Holobaugh: 30 dias sem lutas e 21 dias sem contato físico;
Laureano Staropoli: 180 dias sem lutar, ou liberação com raio-x do nariz;
Luana ‘Dread’: 30 dias sem lutas e 21 dias sem contato físico;
Priscila ‘Pedrita’: 30 dias sem lutas e 21 dias sem contato físico;
Rogério ‘Minotouro’: 60 dias sem lutas e 45 dias sem contato físico;
Rose Namajunas: 180 dias sem lutar, ou liberação com ressonância magnética do pescoço;
Sergio Moraes: 60 dias sem lutas e 45 dias sem contato físico;
Talita Bernardo: 60 dias sem lutas e 45 dias sem contato físico;
Thiago Moisés: 30 dias sem lutas e 21 dias sem contato físico;
Thiago ‘Pitbull’: 30 dias sem lutas e 21 dias sem contato físico;