Alexander Volkov aproveita superioridade técnica e derrota Greg Hardy

No co-main event do UFC Rússia, realizado neste sábado (9), o octógono tremeu com um duelo entre dois pesos-pesados com enorme poder de nocaute. Lutando em casa, Alexander Volkov utilizou sua maior técnica e experiência no esporte para derrotar Greg Hardy por decisão unânime dos juízes.

Inicialmente escalado para encarar Júnior ‘Cigano’ na luta principal do UFC Rússia, Volkov viu seu combate ser rebaixado para o co-main event. Sem lutar há mais de um ano, o russo – que vinha de derrota para Derrick Lewis, em outubro de 2018 – não sentiu o ritmo e conquistou o triunfo aproveitando-se de sua maior técnica na luta em pé. Com o resultado, o ex-campeão peso-pesado do Bellator e do M-1 deve subir ainda mais no ranking da divisão. Atualmente, o lutador se encontra na sétima posição da lista.

Já o ex-jogador da NFL (liga de futebol americano) – que estreou no UFC em janeiro de 2019 – fez sua quinta luta pela organização neste ano. Esta foi a segunda derrota de Hardy no Ultimate. Em sua estreia na entidade, o americano sofreu um revés para Allen Crowder, por desclassificação após aplicar uma joelhada ilegal.

A luta

Amplamente superior tecnicamente, Volkov utilizou seus chutes para acertar o rival e manter uma boa distância durante o primeiro round. Apesar disso, Hardy conseguiu aplicar seus potentes golpes no russo em algumas ocasiões.

Apostando bastante nos chutes baixos, Volkov seguiu dominando o centro do octógono no segundo round. Apesar de ter sua movimentação dificultada e estar mais cansado do que o rival, Hardy continuou assustando a torcida local com a potência de seus golpes, que em sua maioria ficavam na guarda do russo. Claramente respeitando o poder de nocaute do americano, Volkov evitou se expor demais mesmo quando encaixava um bom ataque.

Ciente da desvantagem nas papeletas dos juízes até então, Hardy iniciou o terceiro assalto de forma agressiva, em busca de um nocaute. No entanto, nem mesmo o maior ímpeto do americano foi suficiente para superar a técnica do russo, que, com tranquilidade, levou a luta até o final.

Inglês nocauteia russo e cala torcida

Em um confronto que vinha equilibrado e com bons momentos para ambos os lutadores, Danny Roberts conseguiu aplicar um cruzado perfeito de esquerda e nocauteou Zelim Imadaev faltando poucos segundos para o fim do segundo round. Com o resultado, o meio-médio (77 kg) inglês se recuperou no UFC após sofrer duas derrotas consecutivas para os brasileiros Cláudio ‘Pitbull’ e Michel ‘Demolidor’, respectivamente.

Veterano vence duelo de gerações

Com 15 anos de diferença na carteira de identidade, Ed Herman, de 39 anos, e Khadis Ibragimov, de 24 anos, fizeram um verdadeiro duelo de gerações no card principal do UFC Rússia. Ao final dos três rounds, melhor para o veterano, que derrotou o jovem russo em decisão unânime dos juízes.

No primeiro round, Ibragimov apostou na luta agarrada na grade. E, apesar de manter a posição de vantagem durante grande parte da etapa inicial, o meio-pesado (93 kg) russo acabou levando a pior e recebeu golpes potentes do americano na curta distância, que provocaram um sangramento no nariz do lutador da casa.

Visivelmente cansado, o russo veio com tudo no segundo assalto, buscando terminar a luta rapidamente, conseguindo aplicar bons golpes na trocação. No entanto, o veterano absorveu bem os ataques do rival e seguiu utilizando sua experiência para se manter no duelo. Com ambos esgotados fisicamente, a loteria da trocação franca tomou conta dos segundos finais do round, sem vantagem para nenhum dos lutadores.

Demonstrando enorme resistência, Herman demonstrou estar melhor fisicamente e continuou tomando a iniciativa do combate. Com joelhadas potentes na curta distância, o americano aumentou o sangramento no nariz do russo e, mesmo quando esteve em posição desfavorável no solo, foi superior.

Confira os resultados do UFC Rússia:

Peso-pesado | Alexander Volkov venceu Greg Hardy por decisão unânime;
Peso-meio-médio (77 kg) | Danny Roberts venceu Zelim Imadaev por nocaute;
Peso-meio-pesado (93 kg) | Ed Herman venceu Khadis Ibragimov por decisão unânime;
Peso-meio-médio (77 kg) | Anthony Rocco Martin venceu Ramazam Emeev por decisão unânime;
Peso-meio-pesado (93 kg) | Shamil Gamzatov venceu Klidson Abreu por decisão dividida;
Peso-meio-pesado (93 kg) | Magomed Ankalaev venceu Dalcha Lungiambula por nocaute;
Peso-meio-médio (77 kg) | Rustam Khabilov venceu Sergey Khandozhko por decisão unânime;
Peso-médio (84 kg) | Karl Roberson venceu Roman Kopylov por finalização;
Peso-meio-médio (77 kg) | David Zawada venceu Abubakar Nurmagomedov por finalização;
Peso-leve (70 kg) | Roosevelt Roberts venceu Alexander Yakovlev por decisão unânime;
Peso-galo (61 kg) | Pannie Kianzad venceu Jessica-Rose Clark por decisão unânime;
Peso-galo (61 kg) | Davey Grant venceu Grigorii Popov por decisão dividida.